Ponto 7 - Brasserie Cantillon

Uma das mais tradicionais cervejarias belgas, as instalações são intocadas desde o final do século XIX. Funciona também como um museu da cerveja, impressionando aos amantes da bebidas com suas sensacionais cervejas de fermentação espontânea..





















A cervejaria Cantillon fica na Rue Gheude Straat 56, perto da Estação Gare du Midi. A visita vale a pena mesmo, pode ainda degustar as cervejas. Entre as cervejas que fabricam, vendem na Bélgica e exportam para outros países, mesmo com a pequena produção, estão: Gueuze, Kriek, Rosé de Gambrinus (usa raspas de cereja), Vigneronne (usa uvas Moscatel), Saint-Lamvinus (usa uvas merlot de Bordeaux), Fou'foune (com damascos), Grand Cru Bruocsella (envelhecida por 3 anos no carvalho), Iris (feita com malte pale ale), Faro (usa caramelo e candy sugar) e Marmalade (combina as de acidez natural com cervejas com açucar). Fabricam ainda o Queijo Gueuze, feito com 10 litros de cerveja Gueuze e 550 litros de leite.

Comentários

  1. É obvio, eu como belga gosto ler o seu blog
    cumprimentos de Antuérpia

    ResponderExcluir
  2. Legal, amigo, seu país é fantástico e suas cervejas melhores ainda!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Falke Bier é escolhida "Cervejaria do Ano na América Latina" pelo blog canadense "World of Beer"

Lançamento da Larouse da Cerveja, no Bar Anhanguera em São Paulo

Projeto Estancia José Ignacio de Garzon